quinta-feira, 20 de março de 2008

quem sou eu

Um sopro. Suave e incerto.

Esperando aquilo que me transformará numa tempestade. Forte e bela.

A espera, às vezes, parece eterna.

Mesmo sem motivo ou esperança ainda admiro as estrelas na calada da noite. Elas me lembram de um passado feliz.

3 comentários:

Yuri Marcel disse...

Uiui sopro q me deixa todo arrepiado aHAUhauhUA

P.S. Já mudei lá ^~^

Igor disse...

Djá te falei, né? Se tu quiser, te assopro...
minha Tespestade... minha X-Men. uhauahuhuahuauhauha... =*****

Desenhista de Pensamentos disse...

Parabens iamgino uma representação singela destas palavras. Ficou fantastico.

Parabens pela criatividade.