sexta-feira, 2 de maio de 2008

Preciso.

Uma borracha.

Para apagar aquilo que insiste em continuar em mim.

Uma mordaça.

Para calar as vozes que insistem em me enlouquecer.

4 comentários:

André Rafael disse...

depois que voce arranjar...

...'ce me empresta?

:)

Beijo,

André Rafael disse...

Pela capa e inicio, tambem tive uma ma' impressao do filme, mas valeu muito a pena (desculpe a falta de acentos, como pode perceber estou em outro pais! rs rs).

Como cheguei no seu blog? Boa pergunta, mas acho que foi atraves de um comentario seu no blog Para o Tumulo: Cronicas Anonimas...

andrerafael28@hotmail.com, se quiser add no msn.
Beijo,

Cocão disse...

Toma vódka. faz quase o mesmo efeito o/

Rhamom Menezes disse...

|Poxa!

Como faço pra deixar meu blog tao bom quanto o seu?

=*

Otimas postagens