quinta-feira, 30 de julho de 2009

"Quem sabe então assim você repara em mim..." (8)

Quem sabe se eu fosse mais bonita. Mais magrinha. Mais ajeitada. Não tivesse tanta preguiça de me arrumar.
Quem sabe se eu fosse mais contida. Mais controlada. Mais dona dos meus sentimentos ao invés de os meus sentimentos serem donos de mim.
Quem sabe se eu morasse ao seu lado. Se pudesse compartilhar meu dia-a-dia. Dividir meus medos e meus anseios.
Quem sabe se eu fosse mais engraçada. Matando ele de rir. Colocando um sorriso bobo em seu rosto toda vez que lembrasse de um comentário meu.
Quem sabe se eu fosse mais inteligente. Deslumbrando-o com minhas opiniões e certezas sobre o mundo.
É, quem sabe então assim, ele pudesse me escolher. Ao invés de ser o meu escolhido.

2 comentários:

Paula M. disse...

Td vez que eu leio esse seu texto, tenho vontade de chorar... É dolorido.

Bertonie disse...

Vish, amor platônico não-recíproco O: